Ambiente Cósmico

Escritório ID Arquitetura expõe ambiente inspirado no artista plástico Ernesto Meyer Filho para Mostra Casa Nova
 
Autoproclamado “embaixador plenipotenciário de Marte para a Terra”, Ernesto Meyer Filho foi um dos artistas plásticos mais controversos e singulares de Santa Catarina. Entre suas facetas criativas, destaque para as pinturas de galos coloridos, seres híbridos inomináveis e erotismo cósmico. Sua genialidade, ímpar, é a inspiração e o fio condutor do projeto “Sala dos Licores – Ekomobile”, do escritório ID Arquitetura e Design para a 12ª edição da Mostra Casa Nova, que este ano homenageia grandes mestres da cultura catarinense.
 
Os desenhos coloridos de Meyer Filho serviram de inspiração para os arquitetos Carlos Malinski e Jeferson Potestino, além do designer de interiores Cláudio Oliveira, para o desenvolvimento do projeto “Sala dos Licores”. O espaço contempla um living de reuniões pós-refeições, onde pessoas possam se encontrar em ocasiões intimistas para beber e conversar. A ideia do licor surgiu como referência a profusão de cores do artista homenageado, permitindo brincar com as mais diversas tonalidades. “As revelações de Meyer Filho por meio de suas cores e formas chapadas nos intrigou. Figura polêmica e especial, ele nos apresentou temas de seu imaginário fantástico, da qual aproveitamos para a composição do nosso ambiente. As formas, os padrões das escamas foram contempladas nos pequenos detalhes, como a luminária Roof da Fabian”, festeja Jeferson Potestino, arquiteto do escritório ID Arquitetura.
 
Situado no primeiro pavimento do Museu da Escola Catarinense (MESC), palco da Mostra Casa deste ano, o ambiente “Sala dos Licores” é um misto do antigo com o contemporâneo, assim como o uso das cores e formas. O pé direito, alto, com 4.50m, ofereceu muitas possibilidades, como a colocação de uma estante de laca verde, adequada para o preenchimento de peças de decoração. A iluminação é outro ponto a favor, com mais densidade e sutileza, possibilitando um perfil mais dramático ao espaço. “Nosso ponto focal é a estante, que contempla todo o projeto, As poltronas arredondas com encosto em palha são minhas preferidas, pois nelas tudo é inusitado e familiar”, revela Potestino.
 
A temática “Pinacoteca” proposta pela organização do evento de arquitetura, design e decoração, possibilitou também a exposição de conteúdo histórico de Meyer Filho. “Apresentaremos algumas obras e esboços do acervo de Meyer, que compreende períodos importantes de sua carreira, de 1959 a 1990”, relata Cláudio Oliveira, design de interior do ID Arquitetura. Uma releitura do trabalho do “enviado de Marte” foi também desenvolvida pelo artista contemporâneo Joelson Bugila, que reinterpretou por meio de balões e tachinhas as famosas cristas de galo do mestre do surrealismo ilhéu.
 
A Mostra Casa 2013, na sua 12ª edição, acontece no Museu da Escola Catarinense da Udesc (Mesc), em Florianópolis, de 20 de setembro a 27 de outubro.