Tudo o que você precisa saber sobre a Lipo HD

O abdômen trincado, com gominhos milimetricamente marcados, é um dos principais desejos de quem pratica atividades físicas regularmente, especialmente nas academias.  Entretanto, em alguns casos, a tão sonhada barriga chapada não aparece. E nem adianta mudar o treino ou muito menos submeter-se a exercícios mirabolantes, que o resultado continua insatisfatório. Para esses casos, a medicina apresenta uma técnica revolucionária, a Lipoaspiração de Alta Definição, conhecida também como Lipo HD ou Lipo 4D.

 

Popular entre as celebridades, este procedimento utiliza um método diferente da Lipoaspiração convencional, reinserindo a gordura localizada do paciente em áreas específicas do corpo, funcionando como uma verdadeira escultura corporal. “A Lipo HD é um termo originado da língua inglesa que significa High Definition (Alta Definição). Como o próprio nome diz, expressa que com esta técnica conseguimos uma maior definição da musculatura abdominal e também na região dorsal. Esta intervenção visa definir e desenhar melhor toda a musculatura, o que obviamente gerou uma procura a este procedimento pelos clientes mais exigentes”, afirma o Doutor Amir El Haje, cirurgião plástico da Clínica Athenee.

 

WhatsApp Image 2020-09-28 at 20.30.30 (1).jpegDr. Amir El Haje é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica

 

Procura crescente

A busca pela Lipo HD cresceu exponencialmente nos últimos meses, sobretudo nas plataformas de busca na internet, com destaque para o Google, que registrou um aumento de cerca de 350% somente entre os meses de agosto e novembro do último ano. Já no Instagram, popular rede social, as hashtags marcando o procedimento ultrapassam 95 mil menções. E tamanha fama não se deve exclusivamente pela premissa da barriga tanquinho. A Lipoaspiração de alta definição oferece também surpreendentes resultados nas regiões da cintura, costas, bumbum, braços e pernas.

 

Cuidados pós-operatórios

Tal como a Lipoaspiração convencional, a Lipo HD exige uma série de cautelas especiais, como enfatiza o Doutor Amir El Haje. “É necessário parar com os exercícios físicos pelo período de 30 a 60 dias, evitar a exposição ao sol durante dois meses, realizar as drenagens linfáticas pós-operatórias e furtar-se das bebidas alcoólicas e do tabaco. É indispensável também utilizar a malha de compressão adequada ao procedimento pelo período de 60 dias e aplicar regularmente um hidratante corporal, somente para citar algumas delas”. 

 

 

Quem pode fazer?

É importante salientar que esse é um método indicado para mulheres e homens em boas condições físicas. “Os melhores resultados são para os indivíduos que possuem uma boa retração da pele, ou seja, na faixa etária de até 50 anos, mas isso não impede que pessoas de mais idade também a façam. A lipoaspiração não é um método de emagrecimento, portanto, pessoas obesas são orientadas a emagrecer antes do procedimento”, finaliza o cirurgião plástico.